Welberth enfrenta governador e se recusa a aprovar contas de Pezão

October 15, 2019

Para um governo que venceu pregando a mudança, a administração do governador Wilson Witzel (PSC) está se saindo pior do que a encomenda. Através de um acordo feito às escuras, nos porões do Palácio Guanabara, o atual governador se comprometeu com o grupo liderado pelos asseclas de Pezão, Cabral e companhia em aprovar as contas do ex-governador, preso pela operação Lava Jato.

 

Para garantir seu acordo, Witzel e o presidente da Alerj, André Ceciliano (afilhado político de Jorge Picciani) estão pressionando todos os deputados da Casa a aprovarem as devidas contas, que já obtiveram parecer recomendando a reprovação pelo Tribunal de Contas. Porém, o deputado Welberth Rezende (Cidadania) resistiu a toda a pressão e já antecipou que não votará a favor das contas. "Votar pela aprovação de um governador preso pela Lava Jato é uma traição contra o meu eleitor", disse o deputado.

 

 

 

 

 

Please reload

Destaques do Blog
Please reload

Visto em

© 2023 por André Luiz Cabral