banner_940x145px_txt (1).png

Ex-prefeito se torna sócio de empresa que foi contratada pelo próprio governo


Empresa contratada para os mais diversos serviços na gestão em Armando Carneiro que esteve à frente da Prefeitura de Quissamã, a Conenge Engenharia Ltda se tornou sócia do ex-contratante. A empreiteira, que realizou, entre outras obras a reforma da Igreja Matriz, pelo valor aproximado de

250 mil comprou, em sociedade com o ex-prefeito uma grande quantidade de terras em localidade próxima aonde funcionaria o Complexo Logístico Industrial de Barra do Furado. O complexo, cujas obras paralisaram há mais de oito anos, seria composto de um porto e estaleiro, acabou se inviabilizando após o envolvimento das empresas do consórcio Terramar (Queiroz Galvão e OAS) com escândalos de corrupção desvendados pela Operação Lava Jato.

No entanto, a "parceria inusitada" do Prefeito com a empresa Conenge pode ir muito além das obras para a Prefeitura e a misteriosa compra de terras na zona rural de Quissamã. O projeto de Barra do Furado foi uma das grandes apostas do prefeito Armando Carneiro, na época, junto com o então governador Sérgio Cabral e a ex-prefeita de Campos, Rosinha Garotinho (só gente boa e honesta). Em parceria com a prefeitura de Campos, na época, o projeto esperava prospectar R$ 900 milhões em investimento para a obra. Caso prosperasse, o porto em Quissamã iria render milhões de reais para o próprio Armando e seus sócios da Conenge, só com a valorização das terras. Só não esperava o ex-prefeito que haveria uma Lava Jato no meio do seu caminho...

VEJA ABAIXO DOCUMENTOS QUE EMBASAM A MATÉRIA:

1 - PLACA DE OBRA DA CONENGE NO GOVERNO ARMANDO:

2 - ESCRITURA DE COMPRA E VENDA DAS TERRAS EM NOME DE ARMANDO E DA CONENGE:

3 - ARMANDO CARNEIRO COM SERGIO CABRAL E ROSINHA GAROTINHO NO LANÇAMENTO OFICIAL DAS OBRAS DO COMPLEXO DE BARRA DO FURADO


Visto em

© 2023 por André Luiz Cabral