banner_940x145px_txt (1).png

Comerciantes dos Cavaleiros não temem arrastões: "Aqui só dá elite mesmo"


A onda de arrastões que se abateu nas praias do Rio de Janeiro não preocupa, nem um pouco, os comerciantes, dono de restaurantes, da Praia dos Cavaleiros. "Não há essa preocupação para nós. A periferia de Macaé nunca vem a praia. Quero ver quem vai encarar um ônibus da SIT lotado da periferia à zona sul para roubar alguns Iphones por aqui", garantiu o dono de um famoso restaurante da Orla.

Outro comerciante, entretanto, teme que haja um outro arrastão nas praias macaenses, não de meninos pobres, negros e oprimidos da periferia e sim das "moças do entretenimento adulto" que costumavam operar no Centro de Macaé. "Com a queda dos empregos da bacia de Campos, muitos executivos do petróleo ficaram desempregados e não podem mais contratar as caras "garotas de luxo. Com isso, eles estão buscando algo mais em conta, como as meninas da Rua da Praia que são menos discretas do que as "meninas de luxo", explicou o comerciante.

"As meninas de luxo pareciam modelos, ou assessoras de secretários. Agora, estas moças de preço popular tem todas a cara da Elke Maravilha ou da Gretchem. Isso acaba espantando os turistas", lamentou outro comerciante, dono de um estabelecimento muito frequentado por políticos e executivos da indústria do petróleo.

Atenção: esta notícia é falsa, portanto, pura "zueira"

#Arrastões #Humor #Macaé

Visto em

© 2023 por André Luiz Cabral